terça-feira, outubro 02, 2018

Eleição com Lava Jato

 Delação de Antonio Palocci coloca finalmente a Lava Jato na campanha. 
 Ladroagem nos governos do PT estava fora da disputa presidencial. A devastadora delação premiada do ex-ministro Antônio Palocci, detalhando a ladroagem revelada pela Operação Lava Jato, introduz na campanha presidencial um tema praticamente ignorado, apesar de explosivo: a corrupção dos governos de Lula e Dilma. Somente Álvaro Dias (Podemos) e Jair Bolsonaro (PSL) têm disposição para atacar a corrupção dos governos do PT. O que não têm é tempo no rádio e TV. Geraldo Alckmin (PSDB) evita o tema Lava Jato acintosamente em sua campanha porque tem rabo preso: seu nome foi citado no escândalo.


Fonte: Diário do Poder/ BSB
 

Nenhum comentário:

Destaque

O fascismo da esquerda hipócrita

Com o título “O fascismo da esquerda hipócrita”, eis artigo de Catarina Rochamonte, doutora em Filosofia e professora da Uece. Ela bate...