segunda-feira, agosto 20, 2018

Mais um pedido de cassação do prefeito de Santa Quitéria é protocolado na Câmara Municipal

 O advogado Luís Gustavo Magalhães Mesquita protocolou nesta semana, na Câmara Municipal de Santa Quitéria, denúncia para a cassação e afastamento do prefeito municipal, Tomás Figueiredo (MDB).

Na denúncia, Gustavo argumenta modo incompatível com a dignidade e o decoro do cargo, por conta de dois discursos proferidos por Tomás, em que incita apedrejar políticos votados no município.

Os discursos se deram em agosto do ano passado, durante evento no Hospital Municipal, em referência aos ex-prefeitos Chagas Mesquita e Fabiano Lobo e em junho último, na XXVII Exposição Agropecuária, em referência a deputados que vinham na cidade.

A denúncia deverá ser lida na sessão desta sexta (17), pela Mesa Diretora da Casa, que colocará para a consulta dos vereadores, sobre o seu recebimento.

Esse é o segundo pedido de cassação protocolado em um ano e sete meses desta administração. Em agosto do ano passado, o próprio Luís Gustavo e o também advogado Renato Catunda, protocolaram um pedido, que foi derrubado pela Casa por unanimidade.


Fonte: a voz de Santa Quitéria

Nenhum comentário:

Destaque

Bolsonaro tem 59% dos antipetistas

Jair Bolsonaro tem 59% dos votos entre os antipetistas, diz o Ibope. A taxa era de apenas 41% na véspera do atentado contra ele. De a...