terça-feira, agosto 28, 2018

Justiça do Ceará: menor índice de produtividade do País

 
Na Justiça Estadual, a maior produtividade está no TJRJ, com 3.321, enquanto a menor, no TJCE, com 908, ou seja, uma diferença de 2.413 casos baixados por magistrado


O Relatório Justiça em Números 2017, divulgado nesta segunda-feira, 27, pelo CNJ, demonstra que a Justiça estadual cearense possui um dos menores nível de produtividade do País. De acordo com o relatório, “na Justiça Estadual, a maior produtividade está no TJRJ, com 3.321, enquanto a menor, no TJCE, com 908, ou seja, uma diferença de 2.413 casos baixados por magistrado”.

Os índices de produtividade dos magistrados (IPM) e dos servidores (IPS-Jud) são calculados pela relação entre o volume de casos baixados e o número de magistrados e servidores que atuaram durante o ano na jurisdição. A carga de trabalho indica o número de procedimentos pendentes e resolvidos no ano, incluindo não somente os processos principais, como também os recursos internos e os incidentes em execução julgados e em trâmite”.



Nenhum comentário:

Destaque

Bolsonaro tem 59% dos antipetistas

Jair Bolsonaro tem 59% dos votos entre os antipetistas, diz o Ibope. A taxa era de apenas 41% na véspera do atentado contra ele. De a...