terça-feira, maio 22, 2018

Joesley Batista entrega novos anexos a PF comprovando propina a Cid Gomes

 O empresário Joesley Batista, dono da JBS, entregou mais 90 anexos à Polícia Federal para comprovar o que disse em sua delação premiada. Os novos documentos trazem mais comprovações do pagamento de propina ao ex-governador Cid Gomes (PDT), acusado por Joesley de receber um total de R$ 29,7 milhões nos anos de 2010, 2012 e 2014.

O “anexo complementar 5”, entregue por Joesley, tem como título “propina PSB-Ceará”, partido ao qual Cid esteve filiado durante a maior parte de seu mandato como governador, abandonado a sigla em setembro de 2013. Segundo os irmãos Joesley e Wesley Batista, a JBs pagou a Cid R$ 4,5 milhões em propina em 2010; R$ 5,2 milhões em 2012; e mais R$ 20 milhões em 2014.

Na mesma lista, aparecem anexos comprovando pagamentos de propina a Eduardo Cunha, Geddel Vieira Lima, entre outros.

Confira o material publicado pela revista Veja que chega às bancas nesta sexta-feira (18):


Nenhum comentário:

Destaque

O fascismo da esquerda hipócrita

Com o título “O fascismo da esquerda hipócrita”, eis artigo de Catarina Rochamonte, doutora em Filosofia e professora da Uece. Ela bate...