segunda-feira, outubro 23, 2017

TCE NÃO TEM ESTRUTURA PARA FISCALIZAR PREFEITURAS E CÂMARAS MUNICIPAIS COMO TCM FAZIA, DIZ CONSELHEIRO DO ÓRGÃO. DECLARAÇÃO GERA CONFUSÃO NA ASSEMBLEIA



A extinção do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) cuja segunda emenda constitucional aprovada pela Assembleia Legislativa em agosto passado está sendo questionada no Supremo Tribunal Federal (STF) em uma Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI) a ser julgada pelo pleno na próxima quarta-feira (25), voltou aos debates no Plenário 13 de Maio na última sexta feira(20).

O deputado Roberto Mesquita (PSD), contrário ao fim daquela Corte de Contas, repercutiu declaração dada pelo conselheiro do Tribunal de Contas do Estado (TCE), Alexandre Figueiredo, durante sessão do pleno, de que o órgão não teria estrutura para avaliar as contas dos 184 municípios cearenses.

Por sua vez, o deputado Heitor Ferrer (PSB), autor da emenda, classificou a fala do conselheiro de “politiqueira” e sugeriu que ele se aposentasse. 

 
Fonte: Blog do Edison Silva/DN.

Nenhum comentário:

Destaque

De acordo com Data folha Nordeste é o obstáculo para a vitória de Bolsonaro no 1º turno

 Sem o Nordeste, Bolsonaro teria cerca de 34% das intenções de voto pelo Datafolha É a fidelidade a Lula (via Haddad) e a opção por Ciro...