quarta-feira, julho 19, 2017

Superintendente Regional do Trabalho diz que reforma trabalhista não causa prejuízos

A reforma trabalhista aprovada pelo Congresso, ao contrário do que apregoa a oposição, não retirou nenhum direito do trabalhador, mas flexibilizou a relação empresa-empregado.

Quem diz é o superintendente estadual do Trabalho, Fábio Zech. Para ele, o texto veio regulamentar muitas das decisões já tomadas pelo Tribunal Superior do Trabalho e que benefícios como 13º salário, licenças, férias e outros não sofrerão prejuízo algum. Zech reconhece que há chiadeira por parte de sindicatos, com relação à contribuição sindical, mas lembra que o governo sinaliza recomposição via MP.

Fábio deu essa declaração ao lado do deputado federal Raimundo Gomes de Matos (PSDB), com quem pleiteia, em Brasília, R$ 400 mil para instalar mais três agências da SRT no Interior.



Da Coluna Vertical, do O POVO.

Nenhum comentário: