quinta-feira, julho 13, 2017

LULA SE LANÇA CANDIDATO A PRESIDENTE DA REPÚBLICA UM DIA APÓS SER CONDENADO POR MORO

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse, ao se lançar candidato nas eleições de 2018, que "está enganado" quem
acha que a sentença condenatória dessa quarta-feira decretou o seu fim.

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva se colocou nesta quinta-feira como pré-candidato a presidente da República nas eleições de 2018. Lula disse que será um candidato "com problemas jurídicos", se referindo à condenação a nove anos e meio por corrupção passiva e lavagem de dinheiro, em sentença proferida pelo juiz Sérgio Moro, nessa quarta-feira (12).

Lula reclamou ainda o fato de ter que pagar multa de aproximadamente R$ 700 mil à Petrobras, conforme sentença do juiz Sérgio Moro. O ex-presidente disse que poderiam dar a ele o triplex, se referindo ao apartamento no Guarujá, no litoral paulista, pivô de sua condenação. "Para que eu possa vendê-lo e pagar a multa", justificou.
 
"O estado de direito democrático está sendo jogado na lata de lixo", disse Lula ao comentar, pela primeira vez em entrevista à imprensa, a sentença do juiz Sergio Moro.

"Eles estão destruindo os fundamentos da democracia no nosso país", afirmou Lula ao se defender de acusações.


Com informações EM.COM.BR

Nenhum comentário: