quarta-feira, fevereiro 22, 2017

Desconto na conta de energia dado por Dilma em 2013, gera aumento de tarifa para consumidor pagar durante 8 anos



 As contas de luz vão ficar mais caras em todo o Brasil. Todo mundo vai ser obrigado a pagar uma indenização bilionária que o governo deve às transmissoras de energia, cerca de (R$ 62,2 bilhões) e o motivo data de 2012, quase cinco anos atrás.

Uma medida provisória, assinada pela então presidente Dilma Rousseff, alterou o marco regulatório do setor elétrico, retirou encargos da tarifa de energia. Isso permitiu, em 2013, a redução de cerca de 20% na conta de energia elétrica para os domicílios e para a indústria.

Mas, em 2015, o governo percebeu que não tinha dinheiro para manter os subsídios à tarifa. Então veio o tarifaço, com um aumento de mais de 50% na conta de luz. A coisa tinha que ter sido resolvida em 2013 mas não foi e a demora rendeu a indenização as distribuidoras.

Na prática são 8 anos para pagar a conta, somente em 2017, as contas de luz vão chegar às casas e às empresas com um aumento médio de 7,17%.


 Fonte:G1


Nenhum comentário: