sábado, novembro 12, 2016

MAIOR UNIDADE PRISIONAL DO CEARÁ É INAUGURADA E AJUDARÁ A DESAFOGAR DELEGACIAS



 A maior unidade prisional do Ceará iniciou as operações na sexta-feira (11). O governador Camilo Santana inaugurou o Centro de Execução Penal e Integração Social Vasco Damasceno Weyne (Cepis), com capacidade para mais de mil internos e que vai agilizar o processo de esvaziamento dos presos instalados nas delegacias.

Ao todo, são 180 celas, contando também com seis galpões para implantação de indústrias, seis salas de aula, salas de atendimento aos familiares e internos, parlatório, duas quadras poliesportivas cobertas e oito solários.


Com mais de 13 mil metros quadrados de área construída, o complexo é formado por área administrativa, área de saúde e vivências, com capacidade para 1.016 internos. A obra foi financiada pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) pelo valor de R$ 26,3 milhões, com contrapartida estadual de R$ 13,9 milhões. O equipamento vai receber os presos que atualmente se encontram em unidades como os Centros de Privação Provisória de Liberdade (CPPLs), que passarão a ter as vagas preenchidas pelos detentos que estão nas delegacias.


Com Informações, governo do estado

Nenhum comentário:

Destaque

O fascismo da esquerda hipócrita

Com o título “O fascismo da esquerda hipócrita”, eis artigo de Catarina Rochamonte, doutora em Filosofia e professora da Uece. Ela bate...