segunda-feira, maio 09, 2016

PRESIDENTE INTERINO DA CÂMARA, INDICIADO NA LAVA JATO, ANULA VOTAÇÃO DO IMPEACHMENT


 O presidente interino da Câmara dos Deputados, Valdir Maranhão (PP-MA) anulou, na manhã desta segunda-feira, a sessão que aprovou a admissibilidade do pedido de impeachment contra a presidente Dilma Rousseff (PT) no dia 17 de abril.

Ele acolheu o pedido feito pela Advocacia-Geral da União. A intenção, segundo ele, é abrir um novo processo, desta vez incluindo o vice-presidente Michel Temer (PMDB).

Em nota, Maranhão diz entender que "ocorreram vícios que tornaram nula de pleno direito a sessão em questão". No dia 17 de abril, depois de mais de 40 horas de reunião, os deputados aprovaram com 367 votos o relatório da comissão especial que considerou haver motivos para processar a presidente Dilma Rousseff por crime de responsabilidade.

O globo

Nenhum comentário: