quinta-feira, março 24, 2016

Prestação de contas de Cid em 2010 não registra doação de R$200 mil da Odebrecht

 O ex-governador Cid Gomes divulgou nota afirmando ter recebido uma doação legal da construtora Odebrecht na sua campanha à reeleição em 2010. O portal Ceara News 7 publica os dados do Comitê Financeiro de Cid, e nos documentos não há registro do recebimento de R$200 mil da empreiteira citada na investigação sobre o pagamento de recursos legais ou propina a 316 políticos brasileiros.

Em defesa de Cid, o presidente regional do PSB, deputado Danilo Forte, pode atestar o ingresso desses recursos doados pela Odebrecht no caixa do partido como também informar o destino dado a esse dinheiro em 2010. Registre-se, que a Odebrecht em suas planilhas fala em ter doado R$200 mil a Cid, codinome: FALSO. E esclarece que se trata de um político do Ceará.

O surgimento do nome de Cid Gomes nas investigações da Operação Lava Jati o obrigará a dar novos esclarecimentos. Hoje, o juiz Sérgio Moro encaminhou ao Supremo Tribunal Federal(STF) a lista dos 316 políticos que devem ser investigados pelo recebimento de propina da Odebrecht. Como Cid não tem foro privilegiado, seu caso voltará para Curitiba.

O destino de Cid está traçado: ser investigado pelo juiz Sérgio Moro. Se comprovar que recebeu dinheiro limpo, será inocentado. Caso contrário, poderá ser punido até com a cadeia. Moro não alisa nenhum político que desvia recurso público.

CLIQUE NA IMAGEM E AMPLIE


Com o Ceará news

Nenhum comentário: