sexta-feira, outubro 09, 2015

ROBERTO CLÁUDIO,"NÃO FAÇO QUESTÃO DO APOIO DO PMDB"



 
"Não faço nenhuma questão de ter o PMDB como aliado", declarou o prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio (PDT), em entrevista na manhã desta quinta-feira (8) à rádio Tribuna Band News. O chefe do executivo municipal não poupou críticas ao maior partido do País, que segundo ele tem "só piorado ao longo da história".

E foi além, classificando como "o que há de pior na política" os blocos do presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), e do presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ). Nas eleições de 2012, RC contou com o apoio do PMDB cearense para chegar à Prefeitura de Fortaleza.

Contenção de despesas

Durante a entrevista, o prefeito anunciou que implementará pacote de contenção de despesas nos órgãos públicos do município com o objetivo de driblar o corte de recursos. Serão cortados 25% de todas as gratificações de cargos comissionados, 10% do primeiro e segundo escalão da prefeitura, além de cortes nas despesas de aluguel de carros, de contas de telefone, água e internet. "Devem ser cerca de R$ 60 milhões de economia por ano, que acaba se transformando em oportunidade de investimento", avaliou.

Nenhum comentário: