sábado, outubro 17, 2015

ESTIAGEM NO ESTADO DO CEARÁ. MUNICÍPIOS DA SERRA DA IBIAPABA PODEM FICAR SEM ÁGUA




Construído no ano de 1983, sobre os leitos dos riachos Jaburu e Pitanga, entre os municípios de Tianguá e Ubajara, na Serra da Ibiapaba, o Açude Jaburu I, que tem capacidade para 136.760.000m³, opera atualmente com 19,35% de seus recursos, segundo dados da Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (Cogerh), o que pode gerar colapso iminente no abastecimento de água de toda a região, com seus 350.000 habitantes, distribuídos em 9 municípios, segundo lideranças sociais.

Preocupado com a questão, o Conselho de Desenvolvimento Regional da Ibiapaba (Conderi), formado por 33 conselheiros, juntamente com representantes de movimentos sociais, voltaram a debater a questão em Ubajara, nessa terça-feira (13), em mais um, de uma série de encontros já realizados sobre o tema, neste ano.

A ideia é estimular a discussão com participação, dessa vez, do poder público, da sociedade civil e do Poder Judiciário, por meio das promotorias da Ibiapaba. "Resolvemos convidar o Poder Judiciário para vermos se algo pode ser feito, pois todas as reuniões anteriores com a participação de membros da Cagece, Cogerh, Sohidra e demais órgãos responsáveis pela manutenção do açude, em nada resultaram. Nenhuma medida, que seja preventiva, foi tomada", afirmou Glauber Augusto Lira Sousa, presidente do Conderi.

O objetivo é tentar pressionar esses órgãos para que reajam à questão, antes que venhamos sofrer um colapso no ano que vem, pois segundo a Cogerh, em julho tínhamos 118 açudes com volume abaixo de 30%; mas o levantamento feito no dia 9 deste mês, aponta que esse índice mudou para 123 açudes abaixo desse volume no Ceará", disse.

Nenhum comentário:

Destaque

André diz que PT foi “irresponsável e safado” ao afirmar que PDT pediu cargos para apoiar Haddad

 "O PDT não exigiu nem sequer a vaga de porteiro da garagem do Palácio do Planalto para declarar apoio crítico", disse o ped...