quinta-feira, maio 14, 2015

QUEREM AUMENTAR O MANDATO DE SENADOR PARA DEZ ANOS


Alvo de uma série de pressões da cúpula do PMDB, que comanda hoje o Congresso Nacional, o relator da reforma política, Marcelo Castro (PMDB-PI), anunciou na manhã desta quinta-feira (14) alterações em seu relatório apresentado há dois dias, entre elas o aumento do mandato dos senadores de oito para dez anos.

Em seu texto original, Castro propunha o contrário: que o mandato dos 81 senadores fosse reduzido para cinco anos, de forma a coincidir com o tempo defendido por ele para os demais cargos eletivos.A mudança de posição do relator ocorre após acerto entre os presidentes da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ) e do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), segundo o qual cada Casa terá a palavra final sobre alterações que lhes dizem respeito.

Não é razoável, não é minimamente crível que isso [aumento do mandato de senadores] possa ser uma solução desejada pelo povo brasileiro”, reclamou na sessão desta quinta o deputado Max Filho (PSDB-ES).

Nenhum comentário:

Destaque

Cheiro de vitória no primeiro turno

Fernando Haddad, dois anos atrás, foi derrotado no primeiro turno. Jair Bolsonaro, diz Merval Pereira, quer repetir a dose: “ Co...