terça-feira, janeiro 20, 2015

Gabrielli sugere bloqueio dos bens de Dilma


A defesa do ex-presidente da Petrobras José Sérgio Gabrielli sugeriu ao Tribunal de Contas da União (TCU) que se ele não for excluído do processo que determinou o bloqueio de bens dos executivos responsáveis pela compra da refinaria de Pasadena, nos EUA, o Conselho de Administração que autorizou o negócio seja responsabilizado pelos prejuízos causados; caso o TCU aceite a argumentação e não retire o petista e os demais executivos do processo, todos os então membros do conselho terão de ser ouvidos e terão seu patrimônio congelado, incluindo a presidente Dilma Rousseff, que à época era presidente do conselho da estatal.

Bahia - 247

Um comentário:

Aparicio Rosa disse...

Todos eles, inclusive nossa Presidente, deveriam estar presos, tomado todos os seus bens, o PT deveria ser banido com todos os seus membros da política.