quarta-feira, janeiro 14, 2015

Feira de livros vai até março em Fortaleza


 A feira na Praça dos Leões tem 80 vendedores que vendem e negociam livros, principalmente didáticos

“Qual é o livro?”. A pergunta acompanha cada passo que se dá pela praça
General Tibúrcio, a Praça dos Leões e, independentemente da resposta, é bem possível que o livro procurado esteja escondido entre os montes de títulos colocados na praça no Centro desde o início da tradicional feira de troca-troca e venda de livros. Sob as sombras dos jacarandás e das palmeiras, a 21ª edição tem cerca de 80 expositores que vendem livros, principalmente didáticos (de todas as séries) até o dia 10 de março.

“Na maioria das escolas, as aulas começam dia 19 ou dias 20 - já no começo da próxima semana. Então, para quem ainda está precisando comprar os livros dos filhos e com bons preços, aqui é o lugar”, garante
Ludinalde Farias, organizadora da feira.

Com a proximidade do início do período letivo, muitos livros estão em falta nas lojas. “Deixei para procurar tarde demais. Vim para a feira na esperança de encontrá-los por aqui”, comenta Márcio Silva, 35, funcionário público.

No mês em que as faturas das compras de fim de ano chegam e muitos impostos são pagos, a economia no orçamento é bem-vinda. Jadea Barcellos, 28, todo começo de ano bate ponto na feira para comprar os livros dos dois filhos, Gabriel, 8, e Caleb, 2. Saiu na tarde de ontem com os sete exigidos na lista do primogênito. “Fiz a pesquisa nas livrarias e os livros novos saíam por R$ 530. 

Aqui, comprei todos por R$ 200”. Conforme Ludinalde Farias, a diferença de valor em relação aos livros novos vai de 50% a 70%.

Trocas


Na feira da Praça dos Leões ainda é possível realizar troca de livros. Os vendedores trocam um por dois ou um exemplar por outro mais uma compensação em dinheiro. “A dica é já ir a alguma lojinha do Centro e encadernar os livros. Isso melhora o aspecto e a durabilidade”, indica a professora Ana Elícia, 32.
Serviço
Feira de troca-troca e venda de livros

Quando: até o dia 10 de março, de 7h às 18h de segunda a sexta, e até as 16 horas aos sábadosOnde: Praça dos Leões, Centro

Nenhum comentário: